CONTROLE DA ANSIEDADE E MEDO

CONTROLE DA ANSIEDADE E MEDO

CONTROLE DA ANSIEDADE E MEDO NA ODONTOLOGIA

O medo de dentista ou, em alguns casos, a fobia de dentista, pode atrapalhar a qualidade de vida de crianças e adultos. Sem o tratamento bucal adequado, essas pessoas não contam com medidas preventivas e são mais propensas a terem doenças bucais.

menina-com-medo-do-dentistaContra o medo: prevenção



Crianças que nunca precisaram fazer uma restauração ou tratar um canal não têm medo de dentista. Para elas, é ele quem cuida dos dentes para não precisarem de tratamento, o que evita a necessidade do ‘motorzinho’. “Sob esse ponto de vista, o dentista é um amigo, pra quê ter medo dele? Aí entra a responsabilidade dos pais de, além de levarem os filhos ao dentista periodicamente e desde cedo, manter a higienização adequada dos dentinhos de leite

Odontopediatra

Qualquer dentista, por formação, está apto a atender crianças. Mas muitos profissionais não gostam, não se sentem preparados para isso, ou simplesmente não se estabelece o vínculo de confiança necessário entre a criança e o dentista. “Nesses casos, o odontopediatra tem formação específica no trato com os pequenos e dispõe de várias técnicas que certamente serão úteis pra atender crianças mais difíceis”

Os Profissionais da OdontoCosta são altamente preparados para lidar com a situação e, da forma mais correta para a situação, acalmar o paciente, sendo criança ou adulto.

 

 

A ansiedade é uma característica biológica do ser humano que antecede momentos de medo, perigo ou tensão; em graus extremos, transforma-se em medo. Portanto, o medo do tratamento odontológico decorre da expectativa de perigo que, historicamente, tem sido repassada às distintas populações16,17. O medo de dentista e os seus efeitos comportamentais quando do tratamento odontológico não são objetos recentes de pesquisas. Costa Júnior17 (2002) refere que desde 1891 investigações têm sido publicadas na literatura especializada. Notadamente, na última década identifica-se um volume significativo de pesquisas com o objetivo de aprofundar o conhecimento científico sobre essa temática e viabilizar o desenvolvimento de estratégias que minimizem o impacto sobre a saúde bucal.